Home

AVINA interactive Roundtable PORTUGUESE

14 September 2017
<!-- p {margin: 0;} img {margin-top: -5px; margin-right: -4px} /*DARKEN*/ .brighten img { -webkit-filter: brightness(100%); -webkit-transition: all 1s ease; -moz-transition: all 1s ease; -o-transition: all 1s ease; -ms-transition: all 1s ease; transition: all 1s ease; } .brighten img:hover { -webkit-filter: brightness(60%); } } -->
Inovacao, contexto de lideranca politica: Vista do poder local

 

English | Español

A América Latina tornou-se em um formidável centro de múltiplas experiências de transformação política, a maioria ainda embrionária, mas capaz de semear futuros e encorajar mudanças no presente.

 

Na sua área de inovação, a Avina procura fortalecer os espaços de articulação entre a sociedade civil e o Estado para encorajar inovações políticas e institucionais que promovam mudanças sistêmicas na esfera do exercício do poder. Com esta iniciativa, a Avina trabalha para promover espaços de reflexão e ação com referentes e organizações da sociedade civil que promovam diferentes formas de enfatizar a democratização em seus espaços de interação.

 

Por outro lado, a democraciaAbierta trabalha para fomentar o debate democrático sobre política e sociedade e formula continuamente questões sobre justiça, democracia e liberdade. Em sua área de Experimentação Política, abre espaço para a grande quantidade de ideias e projetos de inovação política que estão transformando o debate e a ação política na América Latina, com o objetivo de contribuir para regenerar e fortalecer a democracia e propor novos espaços democráticos para participação e tomada de decisões.

 

 

Single%20Blocks3_0.png
Single%20Blocks_0.png
Double%20Blocks%20POR.png
Single%20Blocks2_0.png
Triple%20Blocks%20POR.png
Double%20Blocks%20POR2.png

Single%20Blocks6_0.png
Double%20Blocks%20POR3.png
Single%20Blocks5_0.png
Single%20Blocks4_1.png

Double%20Blocks%20POR5.png
Double%20Blocks%20POR4.png
Single%20Blocks7.png

 

No âmbito dos esforços da rede CLIP, junto com a Avina nos perguntamos: como construímos uma narrativa conjunta? À medida que cada um trabalha para avançar seus projetos, nos perguntamos: como os comunicamos? É necessário um esforço conjunto entre os inovadores da política frente a falta de narrativa.

 

E é neste esforço em construir uma narrativa conjunta que, coincidindo com a celebração em Barcelona do evento municipal "Cidades sem medo", Avina e o democraciaAbierta estabeleceram uma colaboração especial, aproveitando a presença de algumas das experiências especiais que o CLIP seguiu, como O Governo Aberto de Nariño (Colômbia), o mandato legislativo de Pedro Kumamoto em Jalisco (México) ou a eleição de vereadores em São Paulo (Brasil) através da Bancada Ativista.

 

Buscamos respostas para quatro tema importantes compartilhadas por todos os projetos:

a) Visão de inovação;

b) ConteAs pessoas que participaram deste exercício são:xto político nacional e limitações do poder local;

c) Influência do contexto político internacional e

d) A questão da liderança.

 

As pessoas que participaram deste exercício são:

 

  • Javier Arteaga Romero, Gobierno Abierto, Nariño (Colombia)
  • Sâmia Bomfim, Bancada Activista, San Pablo (Brazil)
  • Áurea Carolina de Freitas e Silva, PSOL, Belo Horizonte (Brazil)
  • Susana Ochoa , Wikipolítica, Jalisco, (Mexico)
  • Caio Tendolini, UPDATE politics, San Pablo (Brazil)
  • Jorge Sharp, Movimiento Valparaíso Ciudadano, Valparaíso, Chile
  • Caren Tepp, Ciudad Futura, Rosario, Argentina


Videos




Stop the secrecy: Publish the NHS COVID data deals


To: Matt Hancock, Secretary of State for Health and Social Care

We’re calling on you to immediately release details of the secret NHS data deals struck with private companies, to deliver the NHS COVID-19 datastore.

We, the public, deserve to know exactly how our personal information has been traded in this ‘unprecedented’ deal with US tech giants like Google, and firms linked to Donald Trump (Palantir) and Vote Leave (Faculty AI).

The COVID-19 datastore will hold private, personal information about every single one of us who relies on the NHS. We don’t want our personal data falling into the wrong hands.

And we don’t want private companies – many with poor reputations for protecting privacy – using it for their own commercial purposes, or to undermine the NHS.

The datastore could be an important tool in tackling the pandemic. But for it to be a success, the public has to be able to trust it.

Today, we urgently call on you to publish all the data-sharing agreements, data-impact assessments, and details of how the private companies stand to profit from their involvement.

The NHS is a precious public institution. Any involvement from private companies should be open to public scrutiny and debate. We need more transparency during this pandemic – not less.


By adding my name to this campaign, I authorise openDemocracy and Foxglove to keep me updated about their important work.

Had enough of ‘alternative facts’? openDemocracy is different Join the conversation: get our weekly email

Comentários

Aceitamos comentários, por favor consulte ás orientações para comentários de openDemocracy
Audio available Bookmark Check Language Close Comments Download Facebook Link Email Newsletter Newsletter Play Print Share Twitter Youtube Search Instagram WhatsApp yourData